Lázaros para a Glória de Deus!

A Ressurreição de Lázaro - João 11.
Não posso atribuir grau de importância aos milagres de Jesus, João 20.30 diz que eles foram realizados para fazer acreditar que Ele é o Filho de Deus. Mas, a ressurreição de Lázaro foi determinante porque pontuou um momento ímpar da sua missão. A partir deste momento, os sacerdotes resolveram matá-lo. Morrer era necessário para fazer cumprir o projeto de Deus de constitui-lo Príncipe e Salvador dos povos. Portanto, considero o episódio deste milagre, um ato profético que aponta inicialmente para vitória de Cristo sobre a morte.
A morte entrou no mundo por causa do pecado de desobediência de Adão lá no Jardim do Éden. E a missão de Jesus era confrontá-la no seu território de autoridade; o que o fez quando
depois de morrer na cruz, desceu às partes baixas da terra e ressurgiu vitorioso investido de todo o Poder no céu e na terra, trazendo nas mãos as chaves da morte e do inferno. 
A ressurreição de Jesus tornou possível ao homem morto nos seus delitos e pecados ser regenerado numa nova vida para Deus. O apóstolo Paulo em I Co. 15, ensina que a ressurreição de Jesus ampara a nossa fé. Considerando-se o maior dos pecadores dá o testemunho de sua experiência pessoal e  declara viver a sua nova vida na fé do Filho de Deus em Gl 2.20b
Todos os que acreditam que Jesus Cristo é o Filho de Deus e o reconhecem como Salvador pessoal experimentam este processo e podem se declarar um "Lázaro, para a Glória de Deus".- Alguém que esteve morto por um tempo e foi submetido ao agir sobrenatural de Deus e retornou à vida renovado no propósito de fazer e ser, tudo que honre e glorifique a Deus-.
Eu por exemplo estive morto por 16 anos, até que um dia o Espírito Santo chamou meu nome e desde então não mais vivo eu mas, Cristo Vive em Mim!
E você?! Já vive para Deus?